Em breve

Poemas de Luz

Em uma noite de 2018 ao se preparar para dormir, o poeta faz sua oração e se coloca para o descanso do corpo.
Durante a noite, sonha que escrevia um poema, acorda de madrugada e com a primeira estrofe ainda viva em sua mente, transcreve para o papel e volta a dormir. Ao acordar, pega caneta e papel, ainda com a inspiração latente termina de escrever o que seria seu primeiro poema.
Em 2020, ano que a humanidade trava grandes lutas diante a tantas provas e aflições, nasce seu primeiro livro Poemas de Luz, composto de poemas que abordam de forma simples vários assuntos que nos ajudam a refletir da necessidade de fazer reforma íntima, do crescimento moral, do amor, da caridade e do perdão, assim como transcreve poemas que nos levam viajar e valorizar a grandiosidade da vida.